Blog do Galeno Observatório do Livro e da Leitura

20 de julho de 2018

Debora Falabella (Atriz)

Noites Brancas - Dostoevsky - Editora 34

 Durante uma das singulares Noites brancas do verão de São Petersburgo, em que o sol praticamente não se põe, dois jovens se encontram numa ponte sobre o rio Nievá e dão início a uma história repleta de fantasia e lirismo. Publicado em 1848, na contracorrente de sua época, que privilegiava o Realismo, este livro é, na obra de Dostoiévski, aquele que mais se aproxima da escola romântica. Não apenas pelo tipo do Sonhador, figura central da novela, mas também pela atmosfera delicada e fantasmagórica, que envolve a trama, o cenário e os protagonistas. Aqui, a própria cidade de São Petersburgo — com seus palácios e pontes, seus espaços monumentais — revela-se como personagem. Não por acaso, Noites brancasatraiu a atenção de diretores de cinema como Luchino Visconti e Robert Bresson, que procuraram traduzir para a tela todo o encanto desta que se tornou uma das obras mais famosas de Dostoiévski — agora pela primeira vez no Brasil em tradução direta do russo.

Mais Dicas de quem já leu

Todas as notícias sobre "Dicas de quem já leu"

Receba por e-mail


Cadastre-se!

Livrômetro

Relógio da leitura no Brasil

432.000.000

Livros lidos em 200 dias de 2018 no país

Publicidade